sábado, 17 de dezembro de 2011

A minha amada



Se tu visses, Josino, a minha amada

Se tu visses, Josino, a minha amada,
Havias de louvar o meu bom gosto;
Pois seu nevado, rubicundo rosto,
Às mais formosas não inveja nada:

Na sua boca Vénus faz morada:
Nos olhos Cupido as setas posto;
Nas mamas faz Lascívia o seu encosto,
Nela enfim tudo encanta, tudo agrada:

Se a Ásia visse coisa tão bonita
Talvez lhe levantasse algum pagode
A gente, que na foda se exercita!

Beleza mais completa haver não pode:
Pois mesmo o cono seu, quando palpita,
Parece estar dizendo: "Fode, fode!"

Manuel Maria Barbosa du Bocage

6 Desejosos(as) comentaram:

M4rciano disse...

Simbiose perfeita (foto e poema)! Genial!

Oana Gomez disse...

Obrigada, M4rciano!

BASTARDO disse...

Belas palavras e bela Amada!

Oana Gomez disse...

Bastardo...
Bem-vindo aos meus prazeres e desejos.
sim, são belas as palavras e muito bela a Amada.
Beijo!

Fogo disse...

Linda a foto... sensual e muito excitante... desejo cresce!!!!!

Oana Gomez disse...

Fogo,
o desejo é sempre em crescendo...
Bom domingo!

Enviar um comentário