terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Tu queres. Mas quanto?

Sussurra-mo languidamente, ao ouvido...


18 Desejosos(as) comentaram:

AMANTES disse...

Tudo o que a paixão aguentar...

Oana Gomez disse...

A paixão é frágil...

AMANTES disse...

Sim..

AMANTES disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Oana Gomez disse...

O prazer também!

AMANTES disse...

Eu disse isso e apaguei pensava que tinha repetido:))

Oana Gomez disse...

:))
pensava que te tinhas arrependido

AMANTES disse...

Da Paixão nunca...

Oana Gomez disse...

Ah! ainda bem!
Eu também não me arrependo das coisas boas.
Acho que nem tão pouco das más...

O Santo Diabinho disse...

As pessoas nunca se deveriam arrepender de nada que tenham feito mas sim, arrependerem-se por algo que tenham deixado por fazer...

Se o fizeram na altura era porque queriam, porque era lógico, por desejo, por impulsividade e por mais 1001 razões...

Water disse...

deixa me tirar primeiro a língua da tua orelha e já te digo o quanto eu quero.

Oana Gomez disse...

Santo,

hoje estou sempre de acordo contigo...

Oana Gomez disse...

Water,

tu vê lá o que vais dizer...

M4rciano disse...

(Até te ver perder o juízo...)

Oana Gomez disse...

(aqui já não resta nenhum...)

SinneR disse...

ok... quando ?

bj doce

Oana Gomez disse...

Sinne,

Beijo doce

felina gata disse...

Stasera ho voglia di aprire le tue gambe di sentire quell’odore di muschio che mi stordisce...accarezzo la tua pelle... assaporo il tuo profumo ...sfami il mio sguardo mentre sento la potenza dei tuoi muscoli ... godo quella stretta...della tua presa femminile... Nel mentre che passi le mani sul mio petto..sulle mi braccia .. Ti sento...mentre intrecci le tue caviglie ...Comprimi i miei fianchi, accogli gemendo l' insulto del mio desiderio... la spinta decisa del mio bacino che sbatte e arrossa la tua carne... Stringi le tue cosce e mi faccio stritolare dal tuo godimento...
Un sogno…una realta'....
io e te avvinghiati....

Enviar um comentário